10 fevereiro 2011

Fisiolofando (Projeto Telefone sem fio)

Ilustra: Lia Fenix

Por que água com açúcar acalma? Seria a substituição da mamadeira ou o açúcar que trás a infância a tona nos levando para uma época onde a falta de responsabilidade era permitida? Onde o castigo era a salvação?
Por que esse medo de multidão? Talvez a angústia de não se ver; muitos mundos, muita intromissão, muitos olhos, olhares, perda da intimidade, privacidade e silêncio. Muita atenção, por toda parte, inclusive a sua sobre a intimidade alheia.
Por que falar é pôr pra fora? Talvez porque o silêncio seja entendido como sendo pra dentro. É o oposto. É transformar em som aquilo que antes era apenas uma descarga elétrica. Mas continua sendo descarga, só que de idéias, sentimentos.
Por que a vírgula vem antes do ponto final? Porque sem uma pausa para respirar não se chega a lugar algum, quiçá o ponto final.

-----

Primeiro veio o texto por mim e depois a Lia fez o desenho inspirado nele. Obrigado Lia, ficou muito bom mesmo! Adorei! :)

4 co-mentários:

Francine Ribeiro disse...

Vocês dois são ótimos! Adoro essa parceria!

Marina disse...

Nossa, acho que nunca li um texto seu que não fosse poesia. Ficou muito bom, você devia investir em prosa poética assim. Lindo demais.

Anne Lieri disse...

Texto muito criativo,bem como a imagem...maravilhosa!Adorei!Bjs,

Camila disse...

Adorei esse. Quantas vezes já não me peguei com esses sentimentos...

Blogged.com