23 dezembro 2009

Quem saberá?

Gosta de fatos
Gosta de gatos
Gastos escassos
Gatos de laços
Uns tem nossos traços
Outros, abraços

Um fala de dentro
outro do lado de fora
o que era lamento
não mais é agora
se um erra
o outro adora
fora, um beijo doce
(que a libido aflora...
um álibi?
antes fosse)
dentro, gosto de amora

1 co-mentários:

Thaís Vidal disse...

Ninguém nunca saberá...
Quantas palavras desenhei em um olhar, quantas vezes a imaginar, quase uma HQ com todos os detalhes...
E ele munca saberá...
Escrevi até palavras com rimas, coisa que raramente faço, mas a rima só tem rima se é dita ou lida...então que sentido tem uma rima perdida, no vácuo, no espaço...


...só pra mim tem...e então retiro o que disse...enquanto houver o sentido meu, o que eu sinto, não importa mais se alguém saberá.

Blogged.com