12 junho 2009

Mutualismo


Um frio por toda parte
Uma vida que imita a arte
Um sopro de solidão
Um suspiro que vem de marte

O meio entre nós
Se torna um algoz
Dia a dia, fato a fato
Era ditongo agora hiato

Um frio por toda arte
Uma vida que imita uma parte
Um sonho sem ilusão
Um topo sem aste

0 co-mentários:

Blogged.com