07 dezembro 2008

Conversa fiada

Tem uma coisa, que não é bem uma coisa, é um sentimento.
Que passa a ser sentimento quando se expressa, não pelas palavras, mas pelos poros.
- ...A coisa só é sua, quando você sua!
Você perde a noção do tempo e passa a sentir em vez de fazer qualquer outra coisa.
- ...A gente só perde tempo nas nossas vidas quando paramos para percebermos o-tempo-que-estamos-perdendo-em-nossas-vidas.
É justo quando você pensa no que pensa que a coisa foge. E fica o nosso controle, o nosso plano, a nossa mente. Tudo normal, patético. Hoje temos muito mais conhecimento, mais patologias, sabemos identificar muitas coisas... eu não as queria identificar. 'Fale sobre você'. Fale-me você sobre mim, ou melhor, faça alguma coisa. A gente se conhece mais com o tempo?! Posso dizer que eu sou eu desde que fui eu até quando me conheci. Desde então, não mais.

1 co-mentários:

Francine Ribeiro disse...

uma conversinha com o psicólogo ou psicanalista?? suspeito que seja verdade: "Posso dizer que eu sou eu desde que fui eu até quando me conheci. Desde então, não mais."
gostei muito, Mu.
bjins

Blogged.com